Como ser um Profissional de Sucesso: os 8 Hábitos Essenciais

Aprenda os 8 Hábitos Essenciais do Profissional de Sucesso

As pessoas falam muito em se tornarem um profissional de sucesso, com retorno financeiro e realização pessoal. Mas porque tão poucos conseguem? Será que existe uma fórmula secreta para ser bem sucedido na sua carreira?

Bom, se existe, ninguém conhece. Mas existem alguns hábitos que, se incorporados na sua rotina, da maneira correta, podem te destacar no seu segmento de mercado. Nesse artigo você aprenderá quais são.

Profissional de Sucesso: os 8 hábitos essenciais

Não existe caminho rápido para se tornar um profissional de sucesso. No entanto, o que você vai ler não é teoria. São ações que, se colocadas em prática no seu dia a dia, trarão os resultados que você deseja no médio e longo prazo. É importante você encarar o seu desenvolvimento profissional como uma maratona e não uma corrida de 100 metros.

Pronto? Então vamos lá.

________________________________________________________________

Está gostando do artigo? Assista uma Aula Gratuita sobre Empregabilidade e o que você precisa fazer para se destacar da concorrência no seu mercado de trabalho. Clique AQUI para acessar. 

________________________________________________________________

1. Conhece-te a ti mesmo

profissional de sucesso

Sócrates era o cara. Naquela época (por volta de 470 a.C.) ele já sabia da importância do autoconhecimento. Tudo começa com você olhando para si mesmo. Ao investir tempo, energia e dinheiro no autoconhecimento você passa a conhecer seus hábitos, o que te motiva e o que te atrapalha, os seus valores, todas as suas competências, talentos e paixões.

As consequências diretas serão mais consciência do seu verdadeiro potencial e uma extrema clareza na definição dos seus objetivos profissionais. E você também terá muito mais capacidade de fazer boas escolhas no dia a dia, pois são elas que constroem o seu futuro.

Em um mundo com tantas possibilidades como hoje, onde somos bombardeados com dezenas de informações a todo momento, saber separar o que é importante para sua carreira, o que vai contribuir para o seu crescimento pessoal e profissional do que será apenas perda de tempo, não é pouca coisa, certo?!

2. Tenha um Plano de Carreira

plano de carreira
Todo profissional de sucesso possui em comum uma visão de futuro alinhada com seu perfil, com sua essência. E, via de regra, essa visão de futuro está detalhada na forma de um Plano de Carreira bem elaborado. Você deve se perguntar onde (e quando) deseja chegar com a sua carreira, no curto, médio e longo prazo.

Isso vale se você deseja outro emprego, ser promovido ou se tornar um líder. Estes objetivos exigem preparo e quando você os organiza na forma de um plano, consegue visualizá-los com mais clareza e se sente mais motivado e comprometido para atingi-los.

O seu Plano de Carreira vai transformar seus sonhos em metas com prazos bem definidos, tornando mais fácil e organizado sua conquista. Ele serve como um direcionamento para o seu crescimento profissional, pois através dele você consegue programar seus investimentos de tempo, energia e dinheiro para atingir os seus objetivos.

A seguir, eu listo alguns passos para te ajudar a elaborar um bom Plano de Carreira:

  • Identificar os objetivos desejados no curto, médio e longo prazo
  • Identificar as competências necessárias para alcança-los (aqui entra o seu Autoconhecimento para saber quais você já possui e quais precisará desenvolver);
  • Estudar o seu mercado para alinhar os seus objetivos (falaremos mais disso neste artigo);
  • Traçar as estratégias e ações necessários, prevendo possíveis obstáculos, inclusive os seus próprios sabotadores comportamentais;
  • Executar as ações;
  • Ter um olhar crítico para acompanhar os resultados e realizar os ajustes necessários no Plano.

A elaboração e execução do seu Plano exigirá planejamento, persistência, disciplina e paciência, pois é um processo gradativo. Portanto, lute contra aquela vontade irresistível de obter resultados imediatos.

3. Seja o Protagonista do seu Filme

sucesso profissional

Este é outro hábito essencial para você se tornar um profissional de sucesso.

Tenho certeza que você conhece o significado dessa palavra, mas talvez na prática não consiga aplicá-la de maneira eficaz. Protagonismo é o oposto de vitimismo e inação. Em resumo, é a capacidade de tomar nas próprias mãos o rumo da sua carreira e das suas atividades profissionais, como se fossem um negócio do qual você é o dono.

Ser protagonista significa ter auto-responsabilidade e focar na solução e não ficar buscando culpados (crise, governo, empresa, o chefe ou os colegas) quando as coisas não dão certo. É claro que existem situações em que esses fatores externos irão atrapalhar, mas você terá a certeza que está fazendo o seu máximo, dando o seu melhor, para que tudo funcione bem.

E como desenvolver o Protagonismo? Algumas das maneiras mais eficazes são:

  • praticar o autoconhecimento
  • tomar decisões alinhadas com o futuro profissional que você deseja
  • ser pro-ativo
  • analisar seus resultados, buscando os erros e acertos, e se perguntando como fazer melhor na próxima oportunidade
  • ficar atento aos feedbacks dos pares e das pessoas que se importam com você

________________________________________________________________

Está gostando do artigo? Quer conhecer um Guia de 5 Passos para encontrar um novo emprego, muito melhor do que o atual, onde você possa trabalhar com o que REALMENTE gosta de fazer, sendo valorizado pelos resultados que entrega?

Clique AQUI e baixe o Ebook Gratuito Como Conquistar o Emprego dos Sonhos em 5 Passos!

________________________________________________________________

4) Construa uma rede de contatos que funcione

rede de contatos

Possuir uma rede de contato estratégicos também é essencial para que o profissional de sucesso possa alavancar sua carreira. O networking, mais do que trocar cartões, é a chance que você tem de se fazer notar e aproximar-se de outros profissionais interessantes.

O primeiro passo é quem você vai incluir na sua rede. Você deve fazer uma pesquisa de mercado para identificar quem são os profissionais que você deseja conhecer, onde eles trabalham e por que seriam contatos interessantes.

Essa busca não deve ser aleatória. É essencial que você tenha feito antes o seu plano de carreira (leu o hábito 2?!), pois a escolha dessas conexões será baseada em pessoas que possam alavancar esse planejamento. Mas para que essas pessoas sejam contatos valiosos, que se sintam seguras para te contratar ou indicar, existe a necessidade de você criar um relacionamento com elas.

E isso não se consegue simplesmente ligando para a pessoa sempre que precisar de emprego.

Conecte-se com esses profissionais no Linkedin e, se eles forem da sua cidade, marque um almoço ou café para conhecê-los profissionalmente. Se a agenda não permitir, marque um Skype. E prepare-se para conduzir a conversa, uma vez que foi você quem a solicitou.

5. Desenvolva sua Criatividade

como ser um profissional de sucesso

Muitas pessoas acreditam que a criatividade é um talento natural. Ou você nasce criativo ou perdeu. Eu acreditava nisso também. Até começar a estudar desenvolvimento comportamental e entender que criatividade é uma competência como qualquer outra. E, como tal, pode (e deve) ser desenvolvida se você deseja se tornar um profissional de sucesso.

Você usa a criatividade a todo momento, mesmo sem perceber. Para conversar com os amigos, para imaginar seu futuro e para resolver problemas no trabalho. Na verdade, todos nós nascemos criativos. E desaprendemos a ser criativos.

Lembra quando você era criança e adorava inventar brincadeiras novas e perguntar sobre tudo? Mas aí os seus pais e professores começaram a dizer para você parar com isso. Quem nunca ouviu a frase:

“Deixe de inventar moda, menina”

ou

“Deixa de fazer pergunta, menino”

Pois é…agora você cresceu e ficou responsável….e desaprendeu a ser criativo. E o pior é o mercado querendo que você imagine coisas diferentes e invente soluções novas. E falam:

“Usa sua criatividade, rapaz”

Complicado, não é mesmo?! Como resolver isso? Como “resgatar” nossa criatividade adormecida?

Aqui vão algumas dicas simples:

=> leia livros, escute podcasts e assista filmes ou documentários: você precisa alimentar constantemente seu cérebro com novas idéias e possibilidades. Nossa memória inconsciente tem uma capacidade quase infinita de assimilar dados e informações, gerando combinações surpreendentes. É assim que a solução para aquele problema que estava fervendo nossa cabeça durante semanas, surge durante o banho ou dirigindo o carro.

=> tenha um hobby: algo que você faça apenas pelo prazer de estar lá, que relaxa e faz esquecer dos problemas diários. Pode ser jardinagem, dança, fotografia, não importa. Isso chama-se ócio criativo e serve para o seu cérebro consolidar aprendizados e formular soluções para problemas que estejam te estressando.

=> ouça música: a música pode ser usada para estimular e relaxar a mente e o corpo. Além disso, há estudos que mostram que ela também pode ativar partes do cérebro relacionadas a motivação, emoção e excitação, o que também ajuda a liberar o processo criativo.

=> faça brainstorming ou tempestade de idéias: essa é clássica e todo mundo conhece por ser muito usada em universidades e ambientes corporativos. Só que a maioria das pessoas limita as idéias ao que pode ser considerado “normal” por ela mesma e pelos seus pares. Para acessar o seu poder criativo através dessa técnica você deve antes se libertar momentaneamente dos medos de se expor, do ridículo, etc. Afinal, depois da 1ª etapa de geração de idéias, vem a etapa da filtragem para ver o que realmente pode funcionar.

Existem várias outras. Mas se você conseguir colocar estas em prática, já será um ótimo começo.

________________________________________________________________

Está gostando do artigo? Assista uma Aula Gratuita sobre Empregabilidade e o que você precisa fazer para se destacar da concorrência no seu mercado de trabalho. Clique AQUI para acessar. 

________________________________________________________________

6. Desenvolva sua Inteligência Emocional

como conquistar o sucesso profissional

A Inteligência Emocional, junto com a Criatividade, são consideradas 2 das principais competências que todo profissional de sucesso deve possuir. Também são consideradas as habilidades do futuro. Sabe por que? Você já ouviu a frase:

“Você será contratado pela sua capacidade técnica e demitido pelo seu comportamento!”

Ela se tornou um chavão entre os profissionais de Recursos Humanos. Porque é muito mais fácil capacitar tecnicamente um profissional, do que mudar um mau comportamento arraigado. A inteligência emocional é sua capacidade de identificar e gerenciar suas emoções de maneira produtiva, facilitando a comunicação, aliviando o estresse e resolvendo os conflitos.

O problema é que, assim como a criatividade, o ensino formal não mostra nem ensina a importância de gerenciar nossas emoções para conquistar o sucesso profissional.

Quem nunca teve problemas com um chefe que ganhou o cargo por ser ótimo tecnicamente, apesar de ser péssimo com pessoas? No meu Mestrado Acadêmico, tive aulas com um professor que era um pesquisador premiado e em sala de aula falava para as paredes, porque não conseguia olhar os alunos nos olhos.

Por isso, sempre falo para meus clientes que o desenvolvimento profissional deve ser feito em 2 vertentes: a especialização técnica (faculdade, MBA, línguas, etc) e especialização comportamental (mentoring, coaching, cursos de desenvolvimento humano).

E não espere pela empresa. O seu desenvolvimento é responsabilidade sua (lembra do Protagonismo?)

O primeiro passo é você identificar quais comportamentos estão atrapalhando você no seu ambiente de trabalho. E depois investir em trocar estes comportamentos por outros mais produtivos. Se você não tem ideia de como fazer isso, nesse artigo eu ensino um exercício simples e eficiente para mudar comportamentos.

7. Faça o seu Marketing Pessoal

marketing pessoal

Muitas pessoas acreditam que o Marketing Pessoal é um culto ao ego ou a vaidade pessoal ou receiam ser vistas como um produto sendo comercializado. Mas se você pensar bem, você se vende todos os dias em diversas situações diferentes: para os seus amigos, para sua namorada, para o seu chefe, etc. E não tem nada de errado nisso.

O Marketing Pessoal usado de forma inteligente e ética é uma poderosa estratégia para atrair e desenvolver contatos e relacionamentos interessantes do ponto de vista pessoal e profissional. É um conjunto de atitudes suas que dão mais visibilidade às suas características, habilidades e competências para aumentar sua aceitação e reconhecimento por parte dos outros.

Ele pode e deve ser usado em benefício da sua carreira.

Não se trata de ser “puxa-saco” ou arrogante, mas ser notado por suas qualidades, habilidades e competências. Você não deve confundir humildade com anonimato. Neste artigo eu falo mais sobre como você pode usar o Marketing Pessoal a seu favor.

Você perde ótimas oportunidades de mostrar o que sabe ou emitir uma opinião balizada em seu conhecimento ou em suas habilidades, por medo do julgamento ou de críticas alheias? Essa é uma ótima maneira de você não fazer seu marketing.

É essencial que você não tenha medo de se expor, até porque é fora da nossa zona de segurança que mais crescemos.

8. Conheça o seu mercado

carreira de sucesso

A maioria das pessoas acha que assistindo ou lendo jornais e assinando uma revista especializada da sua área vai conseguir se manter atualizado com o que acontece no seu mercado. Sinto dizer, mas isso só será útil no chop com seus colegas.

Se você, realmente, quiser se tornar um profissional de sucesso, precisará saber, exatamente, como está o seu mercado de trabalho. Somente assim, conseguirá identificar as melhores oportunidades e se preparar para elas, realizando um trabalho de pesquisa direcionado e estruturado. Para isso, você precisará coletar dados e informações em diversas fontes.

É o que eu chamo de Análise Estratégica do mercado. E como funciona?

  • Pesquise quais Empresas você deseja trabalhar e se existem vagas alinhadas com seu conjunto de competências, habilidades e valores (Autoconhecimento) e com seu Plano de Carreira. Mesmo que não existam vagas abertas, mapeie qual o perfil de profissional desejado por essas empresas e compare com o seu.
  • Se você fizer isso de maneira detalhada com várias empresas da sua área de atuação, começará a ter uma noção do quanto o seu perfil está adequado ou defasado frente ao mercado.
  • Mas você pode ir além. Pesquise quais são os conhecimentos ou habilidades consideradas diferenciais para essas empresas.
  • De posse dessas informações, você poderá direcionar seus recursos de forma mais inteligente para desenvolver o que realmente o mercado está pedindo. Quando existir uma vaga aberta, você estará mais bem preparado para conquista-la.
  • Para descobrir o perfil desejado pelas empresas para vagas que ainda não estão abertas, pesquise no site delas, no Linkedin, busque na sua rede de contatos alguém que já trabalhe nessas empresas, ou alguém que conheça alguém que trabalhe lá, e peça para ser apresentado.
  • Frequente eventos onde essas empresas coloquem estandes e vá lá conversar com os profissionais

Use sua criatividade para descobrir outros meios (hábito 5). Saia da mesmice de fazer o que todo mundo faz.

Pronto para se tornar um Profissional de Sucesso?

Bom, você deve ter percebido que os oito hábitos do profissional de sucesso se complementam. É por isso que não adianta você implementar alguns sem os outros. Se você conseguir desenvolver todos eles, estará no caminho certo para crescer na sua carreira.

Lembre-se que todo sonho, toda conquista, até mesmo toda decisão tem sua recompensa e o seu preço. Se não estiver disposto a pagar o preço em dedicação, estudo, suor e, algumas vezes, lágrimas, como pode almejar crescer e se desenvolver?!

Agora que você já tem o caminho das pedras, que tal tirar aquele sonho profissional guardado por tanto tempo na gaveta? Ou aquele projeto que volta e meia ocupa seus pensamentos e você sente um misto de empolgação com tristeza no peito porque ainda não virou realidade?!

Sair da zona de conforto dói…crescer dói….mas o sentimento que vai encher seu peito quando você realizar seus sonhos e olhar para trás pensando como valeu a pena passar por aquilo tudo…esse não tem preço.

Se este artigo te ajudou, escreva aqui nos comentários ou compartilhe com alguém que pode ser ajudado também.
Até a próxima.

________________________________________________________________

Gostou do artigo? Tenha um Guia de 5 Passos para encontrar um novo emprego, muito melhor do que o atual, onde você possa trabalhar com o que REALMENTE gosta de fazer, sendo valorizado pelos resultados que entrega.

Clique AQUI e baixe o Ebook Gratuito Como Conquistar o Emprego dos Sonhos em 5 Passos!

________________________________________________________________

Coach Eduardo Corrêa

Master Coach de Carreira pelo Instituto MS de Coaching de Carreira. Personal and Professional Coach pela Sociedade Brasileira de Coaching, formação certificada internacionalmente pelo BCI. Practitioner em Programação Neurolinguística pelo INAp.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *